Ja iniciou a negociação do setor de Rações no dia 11 de maio de 2016 na Sede da nossa Federação da Alimentação. Nessa primeira rodada os Patrões propuseram um reajuste de 4% até um teto de R$7.000,00 e para quem ganha acima R$7.000,00 um fixo de R$280,00. A proposta não foi aceita pelos sindicalistas representantes dos trabalhadores. Diante deste empasse ficou agendada nova reunião para o dia 20 de maio de 2016.